Flamengo x Juventude-RS

noticias de Flamengo x Juventude-RS

Flamengo x Juventude-RS - Campeonato Brasileiro - 20/07/2022

Depois de vencer o Coritiba no Mané Garrincha por 2 a 0 no último sábado, o Flamengo volta a Brasília para enfrentar o Juventude, nesta quarta-feira, às 20h30, pela 18ª rodada do Brasileiro.
De ânimo renovado após as vitórias sobre o Atlético-MG, pela Copa do Brasil, e Coritiba, pelo Brasileiro, o Flamengo tenta confirmar a boa fase e irá com sua força máxima. O time está em sétimo lugar com 24 pontos, e terá a estreia de Everton Cebolinha, mas a tendência é de que ele comece como opção no banco de reservas.
Após o empate com o Goiás por 0 a 0 na última rodada e a vitória do Fortaleza, o Juventude caiu para a lanterna da competição com apenas 13 pontos somados. Além disso, amarga uma sequência negativa de oito jogos sem vencer, sendo o último triunfo conquistado na nona rodada, contra o Fluminense.

Flamengo
Depois de dar descanso a grande parte dos titulares na partida contra o Coritiba, a tendência é de que o treinador repita a escalação da vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG, pela Copa do Brasil. Gabigol, que cumpriu suspensão, retorna, assim como David Luiz, que se recuperou de dores no joelho.
Everton Cebolinha, relacionado pela primeira vez, deve começar no banco e fazer sua estreia no segundo tempo.
Escalação provável: Santos, Rodinei, David Luiz, Léo Pereira e Filipe Luís; Thiago Maia, João Gomes, Everton Ribeiro, Arrascaeta, Gabigol e Pedro.
técnico: Dorival Júnior

Juventude
O time terá a estreia da única contratação feita pelo clube até o momento, o meia Bruno Nazário. Assim, Marlon vai para o banco de reservas. Além desta alteração, a equipe terá o retorno do volante Yuri Lima, ausente dos dois últimos jogos. A tendência é que ele atue ao lado de Jean Irmer e Jadson, formando um meio de campo com três marcadores. No ataque, o paraguaio Isidro Pitta pode ganhar a vaga de Ricardo Bueno.
Provável escalação: César; Rodrigo Soares, Thalisson, Rafael Forster e Moraes; Jean Irmer, Yuri Lima, Jadson e Bruno Nazário; Paulo Henrique e Isidro Pitta (Ricardo Bueno).
técnico: Umberto Louzer